0

SC: após calor recorde, temperatura cai 13ºC e decepciona banhistas

8 dez 2012
15h15
atualizado às 15h18
Fabricio Escandiuzzi
Direto de Florianópolis

Após uma semana com extremo calor e recorde de temperatura na última sexta-feira, o sábado começou com uma queda de 13°C nos termômetros em Florianópolis. Quem esperou ansiosamente a semana inteira para curtir os balneários locais, acabou se decepcionando. O tempo nublado desde a madrugada afastou os banhistas das praias e fez com que os shoppings centers lotassem.

Temperatura em Florianópolis era de 25ºC por volta do meio-dia, bem abaixo dos 38,6°C registrados ontem
Temperatura em Florianópolis era de 25ºC por volta do meio-dia, bem abaixo dos 38,6°C registrados ontem
Foto: Fabricio Escandiuzzi / Especial para Terra

Com 25°C por volta do meio-dia, o cenário foi bastante diferente do registrado na sexta, quando a capital catarinense marcou 38,6°C, a segunda maior temperatura desde 1923, segundo os dados da Climatempo. Na estações do Centro de Recursos Ambientais de Santa Catarina (Ciram), foi a maior temperatura desde 1997 no mês de dezembro.

Mesmo assim, alguns banhistas encararam algumas das praias da cidade. O ambulante Clayton Fontes, que trabalha vestido de Chapolin para vender sanduíches naturais na praia do Campeche, reclamou da falta de sol. Músico, ele trabalha durante a semana em eventos e usaria o sábado e domingo para engordar o orçamento. "Todos os dias com aquele calor e sol, mas quando as pessoas podem curtir e a gente faturar um pouco, o tempo muda", queixou-se. "Mas enfim, coloquei a fantasia e consegui vender alguns sanduíches".

"A gente trabalha a semana inteira e, quando pode curtir a praia, o tempo muda", afirmou a servidora Ana Clara Batista, 42 anos. "Mas fazer o quê? O jeito é se contentar assim mesmo".

Para o domingo, a previsão do Ciram é de que o sol volte a predominar em Santa Catarina, apesar da presença de nuvens. As temperaturas chegam, no máximo, aos 28ºC.

Fonte: Especial para Terra

compartilhe

publicidade