0

RJ: menina morreu após ser liberada em posto de saúde

22 set 2010
02h32
atualizado às 09h26

Enjoada e com sintomas de febre, a menina Emily dos Santos, de 3 anos, morreu na última segunda-feira, mas seus pais ainda não sabem a causa exata da morte. No último domingo, Emily apresentou sinais de indisposição e foi levada ao Posto de Atentimento de Médico (PAM) de Del Castilho, na Zona Norte do Rio de Janeiro. Lá, teve diagnóstico de inflamação na garganta, tomou medicação e foi liberada.

Depois do atendimento, no entanto, a criança voltou a sentir dores no corpo. Ao amanhecer do dia seguinte, os pais encontraram a filha morta. Eles a levaram ao Hospital de Irajá, na Zona Norte do Rio, onde receberam a informação de que a morte teria sido causada por meningite infecciosa.

Informações de parentes indicariam que nenhum exame teria sido realizado. De acordo com seu pai, os médicos aplicaram uma injeção junto com medicamentos contra o sintomas. Ela tomou soro e ficou em observação, até ser liberada.

O PAM disse que, logo que chegou, Emily foi avaliada e medicada. O laudo do Instituto Médico Legal deve levar 30 dias para ficar pronto. A Secretaria municipal de Saúde determinou a abertura de sindicância para esclarecer do caso.

O corpo de Emily foi enterrado na tarde desta terça-feira, no Cemitério de Irajá, na Zona Norte do Rio.

Com informações de O Dia.

Fonte: Redação Terra

compartilhe

publicidade