0

Protesto acaba em confronto no metrô em São Paulo

18 mar 2011
08h06
atualizado às 15h53

Uma manifestação contra o reajuste da tarifa de ônibus terminou em confronto na cidade de São Paulo na noite de quinta-feira. A troca de agressões entre manifestantes, policiais e seguranças do Metrô acabou fechando por cerca de dez minutos a estação Anhangabaú, da linha 3-vermelha. Por duas horas e meia, o 13º protesto organizado por estudantes e sindicalistas foi pacífico. Os cerca de 250 manifestantes bloquearam o tráfego no terminal Bandeira e na avenida Nove de Julho (no centro) por meia hora e pularam as catracas da estação. As informações são do jornal Folha de S. Paulo.

Manifestantes se concentraram em frente à prefeitura de São Paulo
Manifestantes se concentraram em frente à prefeitura de São Paulo
Foto: Cris Faga / vc repórter

A prefeitura não respondeu ao pleito dos manifestantes. Ontem, eles queriam que o prefeito Gilberto Kassab (DEM) se pronunciasse sobre ofícios enviados ao Executivo pedindo que a decisão de aumentar a passagem de ônibus de R$ 2,70 para R$ 3 fosse revista. O reajuste ocorreu em 5 de janeiro. Desde então, estudantes e militantes da Central Única dos Trabalhadores (CUT), do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e de partidos como PV, PSOL, PSTU, PCO, PC do B e PT fazem os protestos.

Terra

Colaborou com esta notícia a internauta Cris Faga, de São Paulo (SP), que participou do vc repórter, canal de jornalismo participativo do Terra. Se você também quiser mandar fotos, textos ou vídeos, clique aqui.

vc repórter
publicidade