0

Dilma vai ao Rio anunciar construção de teleférico na Rocinha

13 jun 2013
20h17
atualizado às 20h20
  • separator
  • comentários

A presidente Dilma Rousseff anunciará nesta sexta-feira investimentos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) em favelas do Rio de Janeiro. As obras previstas somam R$ 2,6 bilhões, e beneficiarão moradores da Rocinha, Jacarezinho e do Complexo do Lins. Desse total, R$ 1,6 bilhão serão oriundos de recursos do governo federal, e os R$ 800 milhões restantes a cargo do governo estadual.

A Rocinha receberá a maior parte dos recursos. As intervenções na favela da zona sul consumirão R$ 1,6 bilhão, segundo projeção divulgada. Será justamente lá que a presidente vai anunciar os recursos, num palanque ao lado do governador Sérgio Cabral e o prefeito Eduardo Paes, ambos do PMDB. Estão previstas obras de macrodrenagem de esgoto e água, instalação de rede coletora de lixo, alargamento de ruas, e construção de creche e 475 unidades habitacionais. A Rocinha passará a contar ainda com um teleférico com seis estações, que serão interligadas aos futuros pontos do metrô na Gávea e em São Conrado.

A favela do Jacarezinho receberá obras de infraestrutura e abertura de vias, que vão impactar 30 mil moradores. As intervenções estão orçadas em R$ 609 milhões. No Complexo do Lins, serão investidos R$ 446 milhões, para a remoção de famílias de áreas de risco, construção de uma creche e reforma de equipamentos já existentes.

Em seguida, Dilma Rousseff irá à Zona Portuária do Rio para a assinatura de repasse de recursos do Ministério das Cidades para a implementação do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) na região central da cidade.

Fonte: Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade