1 evento ao vivo

Butantan não produz vacina 3 anos após inauguração de fábrica

28 mai 2010
06h50

Três anos após a sua inauguração, a fábrica de vacina contra a gripe comum do Instituto Butantan, em São Paulo, não produziu nenhuma dose. O prédio e os equipamentos do instituto estadual custaram R$ 70 milhões ao governo de São Paulo e ao Ministério da Saúde, que promove a vacinação anual dos idosos contra a doença. A fábrica ainda não entrou em funcionamento devido à demora para a obtenção das certificações da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e da Sanofi Pasteur, multinacional que detém a tecnologia de produção da vacina. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.

Inaugurada em abril de 2007, a fábrica tinha previsão de início das operações em 2008. Segundo o diretor do Butantan, Otávio Mercadante, a demora está dentro do prazo previsto. A produção nacional de vacinas representaria uma economia de R$ 100 milhões por ano ao País, que atualmente importa a droga. Após o incêndio que destruiu parte do acervo de cobras do Butantan há duas semanas, deputados estaduais do PT colhem assinaturas para tentar abrir uma CPI que investigue o instituto.

Fonte: Redação Terra
publicidade